Predicativos

Neste post veremos os Predicativos, que serão características atribuídas a Termos da Oração. Basicamente, os Predicativos fazem a função de Adjetivos ou Locuções Adjetivas, mas na sintaxe da oração. Ou seja, enquanto Adjetivo é uma Classe Gramatical, Predicativo é uma Função Sintática.

Os Predicativos podem ser classificados de duas formas, de acordo com qual termo eles classificam. O Predicativo do Sujeito (PD) é uma qualidade atribuída ao Sujeito de uma frase, através de um verbo de ligação – como visto no artigo anterior. Quando eu digo “eu estou faminto!”, “faminto” é o Predicativo do Sujeito “eu”. Já o Predicativo do Objeto (PO), como o próprio nome já diz, será uma característica atribuída ao Objeto de uma frase.
Ele pode ser Direto ou Indireto, de acordo com o tipo de Objeto que ele qualifica, mas isto não terá peso em sua definição. O importante mesmo é aprendermos a identificar o Predicativo do Objeto.

Dá uma olhada nessa frase: “os jurados consideraram o réu culpado.” Ao identificarmos os termos, sabemos que “consideraram” é o verbo, “os jurados” é o Sujeito, e “o réu” é o Objeto Direto. Sobrou “culpado”, que não pode ser Adjunto Adverbial, já que não é um advérbio. Repare que “culpado” também não está diretamente ligado ao Objeto, embora pareça estar. O réu não é culpado desde o começo. Foi o Sujeito da frase que atribuiu a ele esta característica. Por isto “culpado” é Predicativo do Objeto.

Não ficou claro ainda? Então tenta perceber a diferença entre esta frase e “os jurados analisaram o réu errado.” No segundo caso, o réu era o errado desde o começo. Não houve influência do Sujeito. Então “errado” é parte do Objeto Direto: “réu errado”.

Vamos tentar outro exemplos?

Em qual das duas frases abaixo há um Predicativo do Objeto:

Ela comprou a casa grande.
Ela achou a casa grande.

Se você respondeu a primeira, você errou. É na segunda que “grande” é o Predicativo atribuído ao Objeto “casa” pelo Sujeito “ela”. Enquanto na primeira há a ideia de que havia mais de uma casa na escolha, e “ela” decidiu comprar a grande ao invés da média ou da pequena, a segunda dá a ideia de haver apenas uma casa, que “ela” julgou como grande.

Entendeu!?

Um abraço!



Deixe seu comentário:




adjetivo adjetivos comparatives comparativos construção continuous declinação dica diferenças future gramática Inglês interrogative lista locução língua negative objeto ordem palavra past perfect pessoais portuguesa português present primeira pronome pronomes pronouns pronúncia redação relativos segunda sentido simple sufixo sujeito tempo tense terceira texto transitividade uso verb verbal verbo verbos vogal vídeo