Uso da vírgula

O uso da vírgula é uma das coisas que mais complica as pessoas na hora de escrever um texto. Listarei abaixo um resumo de quando usar ou não tal recurso:

Não coloque vírgula:

– Entre sujeito e verbo.
Exemplo: Marcos e seus amigos, jogavam videogame. (errado)

– Entre verbo e objeto(s).
Exemplo: O povo reclamou, do barulho. (errado)

– Entre objeto e adjuntos adverbiais.
Exemplo: Elis e seu namorado se encontraram, no shopping. (errado)

– Entre nome e complemento nominal ou adjunto adnominal.
Exemplo: A maioria, de nós aprovou a lei, contra o fumo. (errado)

– Antes da conjunção e, quando esta indica fim de enumeração de elementos comuns ou ações de um mesmo sujeito.
Exemplo: O homem era alto, magro, e desengonçado. (errado)

Coloque vírgula:

– Antes das conjunções mas, porém, contudo, entretanto, todavia, portanto, por isso, etc.
Exemplo: Ele sabia de tudo, mas foi adiante.

– Quando o Adjunto Adverbial for deslocado de sua posição natural (após os objetos).
Exemplo: Depois das dez, as luzes serão apagadas.

– Após aposto ou vocativo no início da oração.
Exemplo: Marta, vem pra dentro antes que chova!

– Ao ocultarmos um verbo.
Exemplo: Nós gostamos de filme; elas, de novela.

Devem vir entre vírgulas, quando no meio da oração:

– Aposto e vocativo.
Exemplo: Marcelo, cansado, foi tomar banho*.

– Conjunções.
Exemplo: Ele foi, entretanto, o mais famoso membro da família.

– Expressões explicativas ou corretivas:
Exemplo: Ela era rica, ou seja, tinha muito dinheiro.

OBS: Muita atenção com a ideia que deseja transmitir em sua oração. Se o aposto ou a oração subordinada forem explicativos, precisam vir entre vírgulas; Se forem restritivos, as vírgulas não poderão ser usadas.

Exemplo:
O homem do Rio de Janeiro logo foi embora. (significa que havia mais de um homem, e só o do Rio de Janeiro foi embora.)

O homem, do Rio de Janeiro, logo foi embora. (indica que só havia um homem, e este era do Rio de Janeiro.)

As mulheres que agiram de má fé serão punidas. (significa que há mulheres que não serão punidas, pois nem todas agiram de má fé.)

As mulheres, que agiram de má fé, serão punidas. (indica que todas as mulheres presentes na tal situação serão punidas, por terem agido de má fé.)

Outras circunstâncias não encontram unanimidade entre os gramáticos, e para estas o único remédio é o de sempre: leia! A memória visual é a arma mais eficaz contra erros na hora de passarmos nossas idéias para o papel.

Gostou do texto? Assista ao vídeo sobre o mesmo assunto:



Deixe seu comentário:




adjetivo adjetivos comparatives comparativos construção continuous declinação dica diferenças future gramática Inglês interrogative lista locução língua negative objeto ordem palavra past perfect pessoais portuguesa português present primeira pronome pronomes pronouns pronúncia redação relativos segunda sentido simple sufixo sujeito tempo tense terceira texto transitividade uso verb verbal verbo verbos vogal vídeo